Esperança

Celeste Carneiro

Os meninos estão brincando...
À volta,
o mundo estertora,
se congestiona,
convulsiona
e chora.

E os meninos brincam.

No seu mundo
desabrocham esperanças
e certezas
que nem sempre possuímos.

Os seus risos
falam de cores,
de paisagens encantadoras
e conduzem
fios luminosos
que entretecem ternuras.

Sim,
brincam os meninos
que farão um novo mundo
e olhando-os
fico a pensar
que ainda resta uma esperança,
porque,
apesar de tudo,
os meninos estão brincando.